Matraca

346

TÚNEL DO TEMPO

Ele carrega no nome o sobrenome de um dos presidentes mais importantes da história dos Estados Unidos. Um sul-matogrossense de Corumbá que está radicado por estas bandas desde o ano de 1988. Em Rondonópolis, são 26 anos de vida dedicados à comunicação. Também bateu muita bola no futebol amador da cidade e no futsal, mas já pendurou as chuteiras. No entanto, continuam dizendo por aí que, quem é rei, nunca perde a majestade. Sacaram?
De trás das câmeras, direto para o “Túnel do Tempo”. Dito isto, a sorte está lançada e as cartas estão na mesa. Quem souber de quem se trata, pode telefonar para a assessoria do Matraca, ou deixar o recado na recepção do A TRIBUNA, ou ainda mandando um e-mail para [email protected], ou pelo whatsapp (66) 99957-5513. Continua valendo, para serem sorteados entre os acertadores, dois convites para saborear a peixada do Rico. Tem também o sorteio especial de duas entradas para o balneário “Águas Quentes Cidade de Pedra”.
Boa sorte aos palpiteiros!

DEU NO A TRIBUNA

Essa foi noticiada pelos coleguinhas aqui da casa. O Tribunal de Justiça de Mato Grosso vetou a verba indenizatória dos vereadores de Paranatinga. Já pensou se a moda pega? Cala-te boca! E olha que por lá os nobres colegas estão embolsando uma merreca em comparação ao que vê por aí da tal verba que o Matraca até hoje não sabe a que diabos ela indeniza.
Eu hein! Como diria aquele comercial do posto, é cada coisa que me aparece, desaparece…

MAIS UMA

Muito boa aquela charge do Generino onde um caminhoneiro aparece dizendo para uma repórter que a fila no anel viário também tá grande. Aí, a coleguinha, curiosa que só ela, resolve tirar essa história de fila a limpo:
– Mais do que você está falando?
E o motorista, calmamente:
– É fila de buraco no acostamento esperando a vez de entrar na pista!
Ah, ah, ah, ah! Mas parece que começaram a acabar com essa fila ontem.

É A CRISE

E diz que a crise é tanta, mas tanta, que o dono de um motel mandou fazer umas placas e pendurou nos chuveiros do seu estabelecimento com os seguintes dizeres: “Favor só lavar o que foi usado hoje”
Arre égua!

VIROU O JOGO

Por falar em crise, um leitor do Matracoso disse que tava tão endividado, mas tão endividado, que ele não conseguia mais dormir. Aí, ele disse que decidiu virar o jogo. Ligou pra todos seus credores e disse que não ia mais pagar ninguém. Agora são eles que estão sem dormir.
Ah, ah, ah, ah…

 

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here