Sob nova direção: PROS diz que terá candidato a prefeito em 2020

O partido tem recebido inúmeras adesões e será uma das novidades do futuro pleito municipal

3279
A comissão provisória do PROS garante que terá nome próprio para disputar a prefeitura em 2020 – Fotos Denilson Paredes

 

Sob nova direção e fortalecido, o Partido Republicano da Ordem Social (PROS) pretende lançar candidato próprio a prefeito de Rondonópolis no pleito de 2020. O partido tem recebido inúmeras adesões e será uma das novidades do futuro pleito municipal.

De acordo com o empresário Galeno Esteves, atual presidente da Comissão Provisória do PROS na cidade, o partido conta entre seus filiados com empresários, sindicalistas, profissionais liberais, líderes religiosos e outros, que se uniram para discutir um projeto político e eleitoral para a cidade. “Nós temos um grupo forte e coeso, que quer apresentar um projeto político para ser debatido pela sociedade de Rondonópolis. Queremos projetar a cidade por no mínimo trinta anos, oferecendo uma opção de candidatura que não está vinculada a nenhum grupo político. Para isso, formamos o nosso próprio grupo político e quando procuramos por um partido que estivesse livre, leve e solto, encontramos o PROS, no qual nos filiamos e que hoje temos até uma cadeira no Diretório Estadual do partido, que é nosso companheiro Afonso Rodrigues de Aragão, sindicalista ligado aos transportes”, disse.

Segundo Galeno, o partido já dispõe de vários nomes entre seus quadros que são qualificados para disputar a prefeitura de Rondonópolis, mas ele diz considerar prematuro apontar nomes, o que fecharia as portas para novos filiados que desejem disputar o cargo, assim como dificulta na hora de entrar numa negociação com outras siglas partidárias. “Nós já temos um número expressivo de pré-candidatos, que estão prontos e se preparando para concorrer às eleições de 2020. São pessoas que comungam conosco os mesmos valores, as mesmas ideias e a mesma prática. Mais para frente, todos vão poder se apresentar e tudo vai afunilar para a escolha das pessoas certas para nos representar. Mas, por enquanto, estamos nos mobilizando para a nossa convenção, que deve ser em junho”.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Whatsapp: (66) 98124.0013


 

Sobre as articulações com outras forças políticas, o presidente do PROS diz já ter conversado com o PSL e Podemos, mas apenas para um contato inicial. “O que nós fizemos foi nos reunir para nos apresentar como um grupo, como estamos nos apresentando à imprensa nesse momento. Não fizemos nenhum tipo de compromisso, até porque não seria hora disso ainda. Teremos chapa própria para vereador, mas coligaremos para prefeito, pois entendemos que política se faz somando. No entanto, somos um grupo que tem princípios e esses princípios não serão abandonados nesse momento de discutirmos coligações. Não temos um nome ainda, mas temos a certeza de que teremos um candidato a prefeito de Rondonópolis. Isso é ponto pacífico para nós”, afirmou Esteves.

Para Márcio Stenio, secretário-geral da comissão provisória do PROS, o partido hoje conta com cerca de 200 filiados e os princípios defendidos pelo grupo, como o liberalismo econômico, a defesa da família, a defesa do direito à propriedade privada, a harmonia entre capital e trabalho, foram amplamente discutidos com todos os interessados em se filiar à sigla. “Nós temos conosco pessoas que querem mudanças e que defendem esses valores. E esses valores não são de ninguém em específico, são valores comungados por todo o grupo. Queremos um governo focado na saúde, na educação e na segurança pública, mas sobretudo pautado no desenvolvimento econômico, sem confrontos entre nós e eles, pois a cidade se governa para todos. Queremos todos trabalhando em favor do desenvolvimento da cidade”, informou.

 

 

Já o empresário Luiz Fernando Carvalho, o popular Luizão, conta que o grupo já vem se reunindo há mais de ano, tendo ficado conhecido anteriormente apenas como um grupo de empresários ligados à Associação Comercial, Empresarial e Industrial de Rondonópolis (Acir), mas há tempos já rompeu essa barreira e agora é composto por representantes de vários segmentos da sociedade local. “Esse grupo tem empresários também, como não poderia deixar de ser, mas tem também vários outros segmentos, como já foi dito, e o que visamos é o melhor para a nossa cidade. O que queremos é mudança e esse é um anseio de toda a sociedade, que quer o novo, uma administração moderna, com planejamento estratégico, aberta, buscando a participação de todos os segmentos da sociedade. Sentimos que esse é o momento da mudança”, concluiu.

A direção provisória do PROS agora trabalha para realizar a Convenção Municipal para escolha do seu primeiro diretório, o que deve acontecer até o próximo dia 28 de junho, quando termina o prazo para que os partidos que pretendam disputar a eleição de 2020 elejam suas direções. Também estavam presentes na entrevista o contador e empresário Eliezer Moreira e o também empresário Edson Ferreira.

 

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here