Colégio Adventista tem a preocupação de formar bons cidadãos

0
Hichelly Betzel, diretor do Colégio Adventista de Rondonópolis, comentou sobre o trabalho da instituição na cidade – Foto: Deivid Rodrigues/atribunamt.com.br

A preocupação com a formação da criança para ser o cidadão de amanhã é um dos valores e diferenciais do Colégio Adventista de Rondonópolis. De acordo com o diretor da instituição, Hitchelly Betzel, esse papel exercido pela escola vem do fato da Adventista ser um colégio confessional, estando ligada a uma religião e, por isso, todos os preceitos e conceitos bíblicos são seguidos.

Conforme Hitchelly, a Rede Adventista tem a preocupação de fazer com que o aluno receba uma educação de forma integral. “Que não vise apenas o lado acadêmico dele, mas que entenda ele como um ser humano, uma pessoa que participa da sociedade e, participando da sociedade, ele tem que se preocupar com o meio onde está inserido, com o seu próximo, com as pessoas que estão em contato com ele”, explicou o responsável pelo Colégio Adventista de Rondonópolis.

Por isso, dentro dessa preocupação, o colégio desenvolve vários projetos que visam promover o bem-estar ao próximo, repassando a ideia de igualdade de que todas as pessoas são criadas com o mesmo propósito. Dentre essas iniciativas estão as que envolvem arrecadação de alimentos para crianças carentes, para entidades carentes, creches, orfanatos, asilos e entre outros.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE


 

Dois exemplos dessas ações foram um café da manhã para moradores de rua, no início do ano passado, e um projeto acadêmico onde os alunos produziram brinquedos com materiais recicláveis e doaram para uma creche da cidade, no decorrer de 2018.

METODOLOGIA DE ENSINO

O diretor do Colégio Adventista de Rondonópolis, Hitchelly Betzel, comentou que a instituição trabalha muito com a interação com a tecnologia. De acordo com ele, o aluno tem acesso a uma plataforma virtual onde pode fazer exercícios online produzidos pelo professor.

Para 2019, haverá uma novidade. Não será mais necessário o uso de um laboratório de informática fixo. Pelo contrário, as máquinas serão levadas até os estudantes, disponibilizando uma plataforma educacional que poderá ser utilizada quando o professor tiver necessidade.

Outro recurso citado pelo diretor são as provas do colégio, que são construídas em outra plataforma online. Hitchelly falou que nesse sistema há várias questões de vestibulares e de provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem).

Com essa metodologia, o Colégio Adventista tenta trabalhar a interpretação de enunciados das questões desses exames desde os mais pequenos até o pessoal do Ensino Médio.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here