Planejamento: União inicia contatos para formação do elenco para 2019

69
Reydner Souza, vice-presidente do União, afirmou que os jogadores já fecharam verbalmente com o clube – Foto: Arquivo

O União Esporte Clube já iniciou os contatos com atletas visando montar o elenco para a disputa do Campeonato Mato-grossense de 2019. Tirando os jogadores remanescentes da equipe que competiu na Copa Federação de 2018 e os atletas da base, ao menos 14 nomes estão na lista do Colorado que já teriam fechado verbalmente, segundo o vice-presidente do clube, Reydner Souza.

Na defesa, dentre os atletas em negociação está o goleiro Neneca, de 38 anos, que já jogou no Botafogo, de São Paulo; no Guarani; Santo André; e América Mineiro. Outro goleiro é Bruno, de 21 anos, que já atuou por PSTC, do Paraná; Internacional, do Rio Grande do Sul; e Avaí, de Santa Catarina.

Neste mesmo setor outro jogador que pode chegar ao Vermelhinho é o lateral esquerdo Matheus, de 22 anos, que é ex-Tupã e Assisense, ambos clubes de São Paulo; e Rosário Central, da Argentina. Já o lateral-direito Bruno Santos, de 23 anos, que jogou no Marcílio Dias, Batatais e Figueirense, é outro possível reforço do Colorado para o ano que vem.

O zagueiro Felipe Bortoluci, de 25 anos, que jogou pelo São Luiz, do Rio Grande do Sul; Prudentópolis, do Paraná; e Ceilândia, do Distrito Federal é mais um que falta apenas confirmar no papel a sua vinda para o time rondonopolitano.

No meio de campo poderá haver o retorno de algumas caras conhecidas que já vestiram a camisa unionina que são os casos dos volantes Maranhão (de 26 anos, que já defendeu o Sinop e Rondonópolis Esporte Clube-REC, ambos de Mato Grosso; e Rio Verde, de Goiás), Nildo (de 34 anos, ex-Penapolense e ex-Santa Helena); e do meia Calado (33 anos).

Mais jogadores que devem compor o meio de campo são os meias Léo Coca (23 anos, e que já jogou no Botafogo, de São Paulo; Internacional, do Rio Grande do Sul; e o São Paulo); e Leandro Oliveira (de 34 anos, que já vestiu a camisa do PTT Raygong e Bangkok Glass, ambos da Tailândia; e os brasileiros Ponte Preta e Santos).

No ataque, houve combinações com Andrezinho (de 32 anos, ex Barcelona de Rondônia; e Sinop); Léo Ávila (de 23 anos, que jogou no Marcílio Dias; Internacional; e Primavera, de São Paulo); Dinei (de 32 anos, que atuou pelo São Luiz, do Rio Grande do Sul; Prudentópolis, do Paraná; e Ceilândia, do Distrito Federal); e Deco (25 anos, ex-Capivariano; ex-Coimbra; e ex-Mirassol).

O União deve aproveitar dez jogadores remanescentes da Copa Federação e outros oito atletas da base.

Em relação a comissão técnica devem fazer parte, além do técnico Odil Soares cuja renovação com o União já foi anunciada, o preparador físico Rafael, o preparador de goleiros Adiel e o gerente de futebol Pedro Henrique (que passou pelo Luverdense, Sinop, Dom Bosco, Marília, Noroeste e Paraná Clube).

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here