Candidato defende a criação de Hospital Universitário em Rondonópolis

6
Candidato a deputado federal Fábio Cardozo: “Nós estamos com problemas sérios de falta de leitos hospitalares” – Foto: Arquivo

O candidato a deputado federal Fábio Cardozo, da coligação “Pra Mudar Mato Grosso II (DEM, PDT, PSD, MDB, PSC, PMB e PHS)”, defende a criação de um Hospital Universitário em Rondonópolis, vinculado ao curso de Medicina da nova Universidade Federal de Rondonópolis (UFR). A ideia do candidato é aumentar a oferta de vagas e leitos hospitalares, ao mesmo tempo que oferece um espaço para a prática da Medicina para os estudantes da área.

Para Cardozo, que também é vereador em Rondonópolis, a criação do novo hospital ajudaria a suprir a grande demanda reprimida que existe há anos na cidade por novas vagas em hospitais. “Nós estamos com problemas sérios de falta de leitos hospitalares e faz tempo que nós não temos investimentos na parte hospitalar em Rondonópolis no sentido de ampliação. O Regional e a Santa Casa há cerca de 20 anos têm a mesma estrutura. O que tem aumentado, mas de forma tímida, são leitos de UTI, e há a necessidade de se ampliar essa estrutura, até porque estou pensando em termos de região sul de Mato Grosso. É necessário que a gente pense uma nova estrutura hospitalar. Nós já temos aqui o curso de Medicina, que é bastante importante para a região, pois vai aumentar a oferta de médicos na cidade, e também seria importante para os profissionais da área de Enfermagem e Psicologia”, defendeu.

Segundo ele, o novo Hospital Universitário ajudaria a resolver não só a questão da falta de leitos, melhorando o quadro da saúde, como também ajudaria na geração de novos empregos na cidade. “Temos várias universidades com hospitais universitários e Rondonópolis, por ter o curso de Medicina e Enfermagem, cursos da área da saúde, precisa e é uma bandeira nossa, pois nós temos uma ligação com o ensino, já que fui professor por muito tempo, e temos uma ligação com a saúde, já que fui secretário de Saúde e ajudei a fazer, inclusive, o primeiro hospital municipal da cidade, e agora estou lutando por essa bandeira, que deve ser uma prioridade no nosso mandato. Eu entendo que essa proposta é importante, porque contempla a universidade e o ensino, contempla o aluno, o usuário e o paciente, contempla a classe médica. Beneficia todos os segmentos da cidade e da região”, concluiu.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here