União decide manter planos para disputa da Copa Federação

1
União seguirá com o planejamento traçado para participar da competição enquanto espera que a Prefeitura resolva o problema da interdição do Luthero – Foto: Arquivo

A diretoria do União Esporte Clube não recebeu até ontem (25) resposta do presidente da Federação Mato-grossense de Futebol (FMF), Aron Dresch, se isentaria ou não o Colorado de pagar multa caso desistisse da Copa Federação. A informação foi confirmada nesta quarta-feira com o presidente do Colorado, Edicarlos Olegini, que repassou que dará continuidade aos planos do clube para a disputa da competição confiante no compromisso assumido pela Prefeitura de Rondonópolis de resolver o problema da interdição do Estádio Luthero Lopes até o início do torneio.

Por conta do impasse envolvendo a praça esportiva, a diretoria do Vermelhinho fez reunião, na semana passada, com a FMF onde foi discutida a possibilidade do União não pagar a quantia de R$ 30 mil caso decidisse ficar de fora da Copa.

O entendimento buscado pelo time rondonopolitano na ocasião foi que não era de responsabilidade da agremiação esportiva promover as adequações no estádio que foram requeridas pela Vigilância Sanitária, Corpo de Bombeiros e Polícia Militar. Porém, ao contrário, caberia ao Município fazer isso.

Diante disso, Aron Dresch deu o prazo de uma semana para que o União realizasse esforços quanto ao drama do Luthero. E foi durante esse tempo também que o presidente da FMF ficou de avaliar o pedido do Vermelhinho.

“Nosso planejamento será mantido e vamos confiar que os problemas do Luthero Lopes vão ser sanados pelo Município”, reiterou o dirigente do União.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here