Servidores reclamaram sobre a suspensão das urnas itinerantes – Foto: Divulgação

O Sindicado dos Servidores Públicos Municipais de Rondonópolis (Sispmur) se posicionou, durante a tarde de ontem (6), a favor das urnas itinerantes para eleição do Instituto Municipal de Previdência Social dos Servidores do município (Impro). Segundo a presidente Geane Lina Telas, as urnas itinerantes garantem que o servidor que não pode se ausentar do trabalho, possa exercer seu direito ao voto.

“As urnas itinerantes são fundamentais para garantir a democracia da eleição. Em todas as eleições do instituto houve urnas itinerantes garantindo o direito do servidor de votar. Nesta eleição, a comissão publicou um documento anunciando somente urnas fixas para as eleições, o que prejudica o servidor e o direito à democracia. A retirada dessas urnas itinerantes dificulta a vida de muitos servidores que não podem sair dos seus locais de trabalho. Precisamos que seja dada a todos os servidores a oportunidade de votar no seu local de trabalho, facilitando que todos (as) votem sem transtornos”, disse.

A sindicalista informou que servidores procuraram o Sispmur para que a entidade pudesse intervir na decisão e pedir que a Comissão Eleitoral, reavaliasse seu posicionamento sobre as urnas itinerantes. “Fomos procurados por muitos servidores que se sentiram lesados pela retida das urnas itinerantes. Através destes pedidos, procuramos a presidente da Comissão Eleitoral, Rosalina Carvalho Gomes Ruiz para que esse posicionamento pudesse ser reavaliado, e nos colocamos ainda a disposição para ajudar a custear essas despesas, para que consigamos levar essas urnas até o servidor garantindo a ele o direito ao voto,” externou.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui