A produção agrícola mato-grossense poderá contar, em curto espaço de tempo, com o terminal ferroviário de Itiquira, cidade a cerca de 110 quilômetros de Rondonópolis. A informação é de que os preparativos para a inauguração do terminal de cargas de Itiquira já estão sendo ultimados. A próxima parada do trem será Rondonópolis. A previsão é que a ferrovia chegue em Rondonópolis até o fim do segundo semestre de 2012.
O lançamento das obras de construção do terminal de Itiquira aconteceu em fevereiro de 2010, contemplando um área de cerca de 70 hectares. Os trilhos até o terminal de Itiquira já estão concluídos. As obras do terminal e dos armazéns anexos estão sendo finalizadas. A data de inauguração está na espera da confirmação ou não da presença da presidente da República, Dilma Rousseff, convidada para a solenidade.
O terminal da América Latina Logística (ALL) em Itiquira será operacionalizado pela empresa Seara, que construiu os armazéns no complexo ferroviário daquela cidade. O acesso ao terminal multimodal será feito pela MT-299, rodovia que liga Itiquira ao distrito de Ouro Branco do Sul. Anualmente, o terminal de Itiquira movimentará até 2,5 milhões de toneladas de grãos.
Diante da ferrovia, o prefeito de Itiquira, Ernani José Sander, atesta que investiu e preparou o município para novos empreendimentos, atraindo empresas que acreditaram no potencial do município para viabilização do moderno terminal de cargas. Além do terminal, a Petrocal, fábrica de calcário, por exemplo, vai ser inaugurada em Itiquira agora no mês de dezembro.
Conforme a Prefeitura de Itiquira, as empresas ALL e Seara investiram aproximadamente R$ 60 milhões no município, gerando centenas de empregos.
Entre Alto Araguaia e Rondonópolis, as obras prevêem um aumento de 250 quilômetros de ferrovia, com terminais nos municípios de Itiquira e Rondonópolis.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui