O número de pessoas que buscam deixar de fumar cigarro tem aumentado nos últimos anos
O número de pessoas que buscam deixar de fumar cigarro tem aumentado nos últimos anos

O número de pessoas que buscam deixar de fumar cigarro tem aumentado nos últimos anos. Em Rondonópolis, foram 1.761 pessoas somente em 2010 que procuraram o Programa de Controle de Tabagismo, a fim de abandonar o vício do cigarro. Desse total, o Departamento Municipal de Ações Programáticas repassa que 1.138 pessoas obtiveram êxito e conseguiram parar de fumar no ano passado.
A coordenadora do Departamento Municipal de Ações Programáticas, Mariúva Valentin Chaves, observa que as pessoas têm tido cada vez mais consciência dos males causados pelo fumo e, por isso, procurado ajuda para deixar o vício. “Hoje o fumo é visto como uma droga. Antigamente era visto como um hobby”, argumenta, lembrando que, em grande parte, as pessoas não conseguem parar de fumar sozinhas.
Mariúva Valentin Chaves informa que um dos principais riscos do fumo é a contração de diversos tipos de câncer, como na boca, pulmão, garganta, estômago, além de outros problemas, como impotência sexual e na saúde bucal. Ela acrescenta que, em 2010, o fumo foi diretamente relacionado à contração de câncer por 24 homens e seis mulheres somente no município de Rondonópolis.
Para deixar o vício do fumo, a coordenadora enfatiza que o principal é a vontade da pessoa. Nesse sentido, ressalta que a pessoa pode procurar o Programa de Controle de Tabagismo no CAPS-AD, na Rua Geraldo José de Almeida, 2580, próximo ao Centro Louis Braille, em Vila Operária. Este ano, o Município também está fazendo a descentralização do programa para os Postos de Saúde da Família (PSFs).
Conforme Mariúva, o tratamento do fumante envolve a orientação psicológica, uma equipe interdisciplinar  e medicamentos. Os pacientes são inseridos em grupos de tratamento e passam ainda por consultas. Os grupos se reúnem duas vezes por semana, havendo a disponibilidade de horários nos três turnos.
Em 2009, no começo do Programa de Controle de Tabagismo, Mariúva externa que apenas 102 pessoas buscaram a iniciativa para deixar de fumar. A expressiva procura em 2010 também é atribuída ao trabalho desenvolvido junto às empresas locais, no sentido de promover a importância de abandonar o fumo.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here