SEM AUTORIZAÇÃO JUDICIAL
Senado aprova acesso policial a digitais de recém-nascidos

Foto: Marcello Casal/Agência Brasil

Para dar mais agilidade na identificação de crianças em casos de crime, a Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado aprovou nesta quarta-feira (6) projeto de lei (PLS 210/17) que prevê que a liberação das digitais dos recém-nascidos e de suas mães para acesso da autoridade policial e do Ministério Público, independentemente de autorização judicial. Mais informações na edição desta quinta-feira (7) do Jornal A TRIBUNA.

Fonte: Agência Brasil

Deixe seu comentário

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *


Compartilhe esta Notícia