Trinta anos

Há trinta anos se faz
Escolhi ser militar
Percebi que era capaz
De conquistar meu lugar.
Aprendi que nesse mundo
Tem que estar preparado
Onde se perde a vida num segundo
No limite determinado.
Então o destino me fez bombeiro
E tenho orgulho naquilo que faço
E ao lado dos companheiros
Torno-me um homem de aço.
Muitas das vezes nessa missão
O suor despenca da face
E a coragem dizendo não
Como se nada mais me restasse.
Minhas forças quase no fim
Na última gota de adrenalina
Não acabara pra mim
Sem emoção nada combina.
Já parei pra refletir
Quando a vitória não veio
Mas Jesus me fez sorrir
Controlando os meus anseios.

(*) Francisco Assis Silva é poeta e militar – email:
assislike1@hotmail.com

1 comentário

  1. Aires José Pereira

    Belos versos em sintonia com o pensamento e ser poeta. E por falar em poeta, Tenha um Feliz dia dos Poetas, amigos de todo o Brasil. Hoje é o dia do Poeta e meus parabéns a todos!
    Abraços literários!
    Aires José Pereira

Deixe seu comentário

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *


Compartilhe esta Notícia