Candidaturas serão avaliadas por pesquisas qualitativas

DSC_0449

O deputado federal Victório Galli, presidente estadual do PSC, disse ontem que os nomes que deverão concorrer como candidatos a deputado federal e estadual, nas eleições do ano que vem, devem passar pelo crivo de pesquisas qualitativas, método de investigação científica que se foca na análise de tendência do voto do eleitorado.
Conforme o parlamentar, o trabalho de fortalecimento do PSC está sendo realizado desde 2011, quando ele assumiu o comando da sigla em Mato Grosso. “Em 2011, o partido tinha no estado apenas seis vereadores e estava presente em nove cidades. Neste ano já contabiliza 68 vereadores, cinco prefeitos, nove vice-prefeitos e está presente em 129 municípios de Mato Grosso. Para as eleições do ano que vem, vamos trabalhar em conjunto com o partido pelo menos 15 novas candidaturas para deputado estadual em Mato Grosso”, informou.
De acordo com o presidente estadual do PSC, pelo menos quatro nomes de Rondonópolis e região poderão disputar uma vaga na Assembleia Legislativa de Mato Grosso. “Além do deputado Sebastião Rezende, que buscará a reeleição, o vereador Elton Mazette está bastante animado para entrar na disputa”, revela Galli.
O PSC, desde ontem, está sendo comandado na cidade e nos demais municípios da região sudeste de Mato Grosso pelo deputado estadual Sebastião Machado Rezende, que tomou posse do cargo de presidente local da sigla na noite de anteontem, substituindo o vereador Elton Mazette.

Deixe seu comentário

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *


Compartilhe esta Notícia