Tópicos

Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

MORTE NA MATA GRANDE

Ronaldo da Silva Santos (18 anos) morreu na tarde de sábado (31/12), no interior da Cadeia Pública (anexo da Penitenciária Mata Grande), em Rondonópolis. Segundo informações, o jovem foi vítima de espancamento. De acordo com o documento de Requisição de Exame de Corpo e Delito, a vítima foi encontrada por agentes prisionais desacordada e foi encaminhada para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA 24 horas), onde foi constatada a sua morte. Ronaldo havia sido detido na noite anterior por tentativa de homicídio.

Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

DROGAS NA MATA GRANDE

Carla Michelle Oliveira Andrade (33 anos) foi detida anteontem (1), tentando entrar com droga na Penitenciária Major Eldo de Sá Corrêa (Mata Grande). O entorpecente estava escondido dentro no órgão genital da mulher. Demonstrando nervosismo ao entrar na unidade para visitar o marido que se encontra preso, ela acabou sendo levada pelos agentes para a UPA 24 horas, onde foi constatado que a mulher havia introduzido o material em seu corpo. Ela acabou sendo presa em flagrante.

torixoreu-02-01-17

VEREADORES PRESOS EM TORIXORÉU

Quatro vereadores do município de Torixoréu, região do Vale do Araguaia, foram presos anteontem (1) por desobedecerem à decisão judicial e não empossarem a prefeita eleita da cidade, Inês Coelho (PP). Os parlamentares fazem parte da Mesa Diretora e foram conduzidos para a delegacia de Barra do Garças. Durante a solenidade de posse dos parlamentares, os vereadores se negaram a cumprir uma decisão da Justiça, que dava direito de posse à prefeita, que teve a candidatura impugnada mas recorreu da decisão. Ela já havia sido diplomada e conseguiu uma liminar para ser empossada. A solenidade foi interrompida após as detenções e os vereadores liberados após serem ouvidos e assinarem um Termo Circunstanciado de Ocorrência.

PARCERIA COM A ONU I

O governador Pedro Taques recebeu aval da Agência Brasileira de Cooperação (ABC), ligada ao Ministério das Relações Exteriores, para que a Secretaria de Estado de Infraestrutura e Logística (Sinfra) implante um projeto de “Fortalecimento Institucional e Geração de Capacidade” em parceria com o Escritório das Nações Unidas para Serviços de Projetos (UNOPS).

PARCERIA COM A ONU II

A UNOPS poderá colaborar para reduzir o gargalo logístico que existe em Mato Grosso, Estado que é grande produtor de grãos, mas que ainda possui 23.396 quilômetros de rodovia que se encontram sem pavimento. Os serviços da UNOPS ajudam seus parceiros a complementar suas próprias capacidades, aumentar a rapidez, diminuir riscos, impulsionar o custo-benefício e melhorar a qualidade.

Deixe seu comentário

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *


Compartilhe esta Notícia