COMBATE AO TRÁFICO
PF de Rondonópolis recebe dois cães farejadores

Cães farejadores ajudarão no combate ao tráfico de drogas na região - Foto: Divulgação PF/MT

Cães farejadores ajudarão no combate ao tráfico de drogas na região – Foto: Divulgação PF/MT

cachorro-pf-rondonopolis-10-01-17A delegacia da Polícia Federal em Rondonópolis recebeu cães farejadores de entorpecentes, que chegaram à unidade para apoiar as atividades de combate ao narcotráfico. O pastor belga Tommy e a pastora alemã Kira já estão em Rondonópolis. Eles foram treinados pelo Serviço de Canil Central, em Brasília, e estão aptos a realizar a detecção dos odores exalados pela maconha, cocaína, heroína, ecstasy e metanfetamina.
Já na primeira fiscalização com o apoio dos cães de serviço, realizada na última quarta-feira (4), foram realizadas duas apreensões: na primeira delas, formalizada em sede de termo circunstanciado de ocorrência, os cães detectaram pequena quantidade de maconha, cerca de 12 gramas, em uma mochila transportada por um passageiro em um ônibus com destino ao Paraná. Na segunda, a cadela Kira identificou uma mala no bagageiro contendo cerca de 14,5 quilos de maconha que iriam para o interior paulista. Neste segundo caso, a equipe policial conseguiu identificar o passageiro responsável pelo transporte do entorpecente, sendo realizada sua prisão em flagrante.
A unidade K9 de Rondonópolis existe há seis anos, sofrendo um período de descontinuidade no ano passado em razão da aposentadoria da cadela Cindy, pastora alemã que recentemente deixou as atividades de repressão a entorpecentes. Os dois novos cães chegam a Mato Grosso para incrementar as ações de combate ao tráfico de drogas na região.

Deixe seu comentário

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *


Compartilhe esta Notícia