ARTICULAÇÕES
Medeiros se declara otimista para disputar presidência do Senado

Senador José Medeiros (PSD): “estamos trabalhando com muito entusiasmo para disputar este pleito no dia 1º de fevereiro”

Senador José Medeiros (PSD): “estamos trabalhando com muito entusiasmo para disputar este pleito no dia 1º de fevereiro”

O senador José Medeiros (PSD) declarou à reportagem, em visita ao Jornal A TRIBUNA, que está trabalhando na formação de uma chapa de apoio para sua candidatura a presidente do Senado Federal. A eleição para escolha do novo presidente ocorre no dia 1º de fevereiro.
“Existe um grupo de senadores que quer uma segunda candidatura a presidência do Senado Federal. Este grupo me procurou ara viabilizar a chapa alternativa. Eles perguntaram se eu topava ser o presidente da chapa e lhes disse que não poderia de candidato de mim mesmo, e chamei eles para ajudar a construir este projeto, o que estamos trabalhando com muito entusiasmo para disputar este pleito no dia 1º de fevereiro”, disse o senador José Medeiros.
Pelo que está sendo veiculado na mídia nacional, o líder do PMDB no Senado, Eunício Oliveira (CE), se movimenta para ser candidato único à sucessão da presidência do Senado Federal que hoje tem no comando o presidente Renan Calheiros (PMDB-AL). As articulações para essa disputa estão sendo feitas desde a votação do afastamento da ex-presidente Dilma Rousseff (PT), em maio do ano passado. Ainda sem concorrente, Eunício ofereceu aos outros partidos a composição da Mesa Diretora com representação proporcional ao tamanho de cada bancada, inclusive os oposicionistas, como o PT e o PDT.
Contudo, a probabilidade do senador José Medeiros concorrer à presidência do Senado parece estar aumentando. Inclusive, já existe até um certo receio do então candidato único, Eunício Oliveira, em relação à possibilidade de Medeiros começar a criar uma onda de votos de protestos que poderá lhe eleger. Já existem até rumores que a Presidência da República deseja blindar o Senado de qualquer interferência da Lava Jato e melhorar a imagem institucional, sem que haja buscas e apreensões dentro do parlamento. Caso se confirme esta informação, José Medeiros será o “coringa” do Planalto e a opção de voto dos oposicionistas e de boa parte dos aliados do Governo Temer.

Deixe seu comentário

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *


Compartilhe esta Notícia