MATA GRANDE
Agentes apreendem celulares e drogas em revista

Foram apreendidos 12 celulares, carregadores e porções de entorpecentes dentro da unidade prisional - Foto: Divulgação

Foram apreendidos 12 celulares, carregadores e porções de entorpecentes dentro da unidade prisional – Foto: Divulgação

Agentes da Penitenciária Major Eldo de Sá Correa, a Mata Grande, em Rondonópolis, apreenderam na manhã de ontem (10), durante uma revista às celas, celulares e entorpecentes, após a realização de um “pente fino” na Cadeia Pública (Anexo da Mata Grande) e em um dos raios da unidade prisional. De acordo com as informações, este tipo de operação ocorre semanalmente, com o apoio do Serviço de Inteligência.
Durante a ação, foram apreendidos 12 celulares, carregadores e porções de entorpecentes, que de acordo com a investigação, seriam comercializados dentro da penitenciária. Esta é a segunda apreensão de celulares e entorpecente na Mata Grande somente esse ano. No dia 2 de janeiro, os agentes também localizaram 10 celulares e 300 gramas de entorpecentes.
Conforme as informações, desta vez, a inspeção ocorreu na ala verde do anexo, onde ficam os presos provisórios, nas celas cinco e seis, já na penitenciária, além de uma grande varredura no Raio 3 da unidade.

2 comentários

  1. Quem leva essas porcarias para dentro do presídio é tão bandido quanto ao que está preso. A Lei deveria ser enérgica para com eles, com alguns anos de cadeia em regime fechado.

  2. Antônio barbosa

    Si a resposta é minuciosa como entra essa porcaria deveria ter uma investigação interna n querendo majorisar mais funcionários deveria ser resvistados pois ninguém está acima dá lei entram e sai com mochilas nas costas

Deixe seu comentário

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *


Compartilhe esta Notícia